Skip to main content
Breadcrumbs

Arquivo Histórico da Comissão Fulbright já pode ser consultado

Topics

Este arquivo reúne 56 anos da história da cooperação científica e académica entre Portugal e os EUA. Em 38 metros lineares e 416 caixas encontram-se documentos que permitem compreender a atividade da Instituição nas áreas da Filosofia, História, Política de Ciência e Relações Internacionais. Entre outros documentos, o acervo Fulbright é constituído por atas, planos, relatórios, processos de bolsas e alunos, documentos de administração financeira, correspondência, fotografias.

Toda a documentação está disponível em papel, em inglês e português, e também online através da plataforma do Arquivo de Ciência e Tecnologia (ACT). Em 2014, o acervo histórico Comissão Fulbright foi integrado no ACT, passando a deter a gestão arquivística deste acervo, no que diz respeito à sua organização, tratamento e divulgação.

Desde o início da implementação do Programa Fulbright em Portugal, em 1960, mais de 2000 estudantes e professores portugueses e norte-americanos receberam bolsas Fulbright nas diversas áreas académicas. Entre os bolseiros Fulbright encontra-se o atual Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

A conferência de apresentação deste projeto de recuperação e tratamento arquivístico contou com a participação da Secretária de Estado da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Maria Fernanda Rollo, bem como da Diretora Executiva da Instituição, Otília Reis, do Presidente do Conselho Diretivo da FCT, Paulo Ferrão e da responsável pelo tratamento arquivístico, Cláudia Filipe do Instituto de História Contemporânea, FCSH-UNL.

fulbright

Para a Secretária de Estado, Maria Fernanda Rollo, “este é um projeto acarinhado e que dignifica as boas relações entre Portugal e os EUA.” Reforçou ainda que é um “Património comum” e compete ao MCTES “promover a sua divulgação e zelar pela sua preservação, física e digital”. O Presidente da FCT, Paulo Ferrão, destacou as boas relações entre esta instituição e a Comissão Fulbright, instalada no edifício da FCT desde 2014, e o contributo crucial da equipa do ACT para este projeto.

 

Créditos das imagens: Fulbright