Skip to main content
Breadcrumbs

Molécula constituinte de vinho tinto tem efeito anti-envelhecimento

Topics

Ana Gomes, antiga bolseira de doutoramento da FCT no Centro de Neurociências e Biologia Celular (Universidade de Coimbra) é uma das autoras de um estudo publicado na prestigiada revista científica Science, que demonstra que o composto resveratrol, encontrado em vinho tinto, tem propriedades anti-envelhecimento. O estudo, coordenado por investigadores de Harvard Medical School (onde Ana Gomes é atualmente investigadora de pós-doutoramento), confirma o que foi sugerido há alguns anos atrás: que a enzima SIRT1, capaz de prolongar o tempo de vida de leveduras, vermes e moscas da fruta, é um alvo direto para compostos que controlam doenças do envelhecimento. O resveratrol é um desses compostos, que ativam a enzima SIRT1 diretamente.