Saltar para o conteúdo principal

Laboratórios Associados

Laboratório Associado é constituído por uma ou mais Unidades de I&D, devendo assegurar, de forma sustentável, três critérios fundamentais: a resposta de políticas públicas a desafios científicos, sanitários, sociais, ambientais e económicos; a promoção de carreiras científicas ou técnicas próprias para doutorados, assim como a capacidade de atração de talento para Portugal e a capacidade de diversificar as fontes de financiamento e aumentar a atração de financiamento da União Europeia ou de outras entidades internacionais para atividades de I&D em Portugal.

Os Laboratórios Associados são formalmente consultados pelo Governo sobre a definição dos programas e instrumentos da política científica e tecnológica nacional.

O Estatuto de Laboratório Associado é atribuído por despacho do membro do Governo responsável pela área da ciência e tecnologia, por um período de até 10 anos, e visa incentivar a agregação e organização de recursos humanos e materiais com qualidade e dimensão necessárias para responderem a objetivos específicos de política científica e tecnológica nacional. A FCT é responsável por conduzir o processo de avaliação de propostas para a criação e a renovação de Laboratórios Associados, assim como pelo seu acompanhamento.

Destaques
  • 40

    laboratórios associados

  • 100

    unidades de I&D

  • 9700

    investigadores

  • 24

    M€ investimento período 2021-2025

Perguntas frequentes sobre legislação e regulamentos