Saltar para o conteúdo principal
Breadcrumbs

Concurso de Projetos de Computação Avançada em Inteligência Artificial em Cloud

Tópicos

O concurso de Projetos de Computação Avançada em Inteligência Artificial em Cloud, fruto de uma parceria entre a FCT e a Google, vai aceitar candidaturas a partir de 30 de março e até 18 de maio. Este concurso tem como objetivo apoiar projetos de investigação na área de Inteligência Artificial (IA) em Portugal durante os próximos dois anos. Esta parceria resultou na disponibilização à FCT de créditos na Google Cloud Platform no valor de dois milhões de dólares. Este acordo vai disponibilizar capacidade computacional para apoio à investigação de excelência no sistema científico e tecnológico nacional.

As áreas preferenciais deste concurso serão a investigação e desenvolvimento, que reúnem 80% dos recursos, e o processamento de linguagem natural e a ética na inteligência artificial. Os restantes 20% estão destinados a outras áreas científicas. Podem candidatar-se instituições de investigação e desenvolvimento, laboratórios colaborativos, centros tecnológicos, e infraestruturas, redes e consórcios de ciência e tecnologia. Podem também candidatar-se instituições privadas sem fins lucrativos que tenham como objeto principal a investigação e desenvolvimento, polos de inovação digital e empresas que desenvolvam projetos de computação avançada (em atividades de investigação, desenvolvimento ou inovação). São também elegíveis candidaturas de pessoas singulares, desde que exerçam atividade em Portugal e que pretendam desenvolver projetos de computação avançada em qualquer área científica. 

Existem várias tipologias de acesso no âmbito do concurso: Acesso Fixo (créditos na Google Cloud Platform, no valor de 25.000 USD) e Acesso Variável (créditos na Google Cloud Platform até ao valor de 150.000 USD).

As candidaturas devem ser apresentadas em língua inglesa e mais informações sobre o concurso estão disponíveis no site da FCT.

As questões podem ser colocadas através do email rnca@fccn.pt. O regulamento já está publicado e disponível para consulta em Diário da República.